Em nota Padre pede perdão aos amigos, familiares e paroquianos

Por D.D.ANDRE 03/01/2018 - 13:53 hs

Em nota postada nas redes sociais o Padre Thiago Bruno, pároco da cidade de São José dos Quatro Marcos (MT), distante de Cáceres a 90 km, diz que agiu de forma ingênua ao realizar a postagem com um souvenir de uma arma.

No poste o padre diz que surgiram diversas intepretações comuns as redes sociais, e em seguida pede perdão a sua minha família, à família do seu amigo aniversariante, aos paroquianos, e aos seus amigos.

Com a repercussão, o padre veio ao próprio Facebook para se retratar aos seus seguidores.

“Afirmo que promovo a paz e a segurança na sociedade, o bem estar da família, o respeito às leis, e a defesa da vida desde a concepção da pessoa humana. Sou contra a cultura de morte (incluindo qualquer apologia ao crime). Que Deus abençoe a todos nós com um ano novo cheio de vida nova”, afirmou na nota.

Facebook
Nota.jpg
Nota posta em seu perfil do Facebook.
 

O delegado Miguel Macário Lopes, disse que o padre pode responder criminalmente pelo ato, independente do posto que ocupa. “Se ele estiver de posse dessa arma, ou portando ela fora das condições que um possível porte legal permite, pode responder criminalmente, independentemente de ser padre ou não. Ninguém está acima da lei”, afirma Macário.    
 
NOTA DE ESCLARECIMENTO
 
POR OCASIÃO, de uma comemoração de aniversário de um amigo, na ingenuidade, publiquei em rede social uma imagem em que apareço próximo a uma arma de brinquedo ("souvenir") deste mesmo amigo, de onde surgiram várias interpretações, como é comum nos comportamentos nas redes sociais. ERREI, e peço perdão à minha família, à família do meu amigo aniversariante, aos meus paroquianos, e aos meus amigos. AFIRMO que promovo a paz e a segurança na sociedade, o bem estar da família, o respeito às leis, e a defesa da vida desde a concepção da pessoa humana. SOU CONTRA a cultura de morte (incluindo qualquer apologia ao crime). Que Deus abençoe a todos nós com um ano novo cheio de vida nova. Feliz 2018. Rezem por mim!