Acusado de mostrar pênis para criança morre a caminho da prisão

Por D.D.ANDRE 05/07/2018 - 13:38 hs

Rayane Alves, repórter do GD

 

Luciano Anatálio Nascimento, 55, que foi preso na noite de terça-feira (3), após ser flagrado mostrando o pênis para uma adolescente de 12 anos, no bairro Jardim Comodoro, em Cuiabá, morreu na noite de quarta-feira (4), dentro de uma viatura da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (sejudh).

De acordo com informações da Sejudh, o preso estava sendo levado em escolta para o Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC), antigo Presídio do Carumbé.

Antes, ele passou por uma audiência de custódia no Fórum da Capital e acabou morrendo.

As causas da morte ainda não foram divulgadas, mas as informações preliminares apontam que o homem sofreu mal súbito dentro da viatura.

Por meio de nota, a Sejudh informou que os agentes penitenciários acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para prestar socorro. Luciano foi encaminhado para o Pronto Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC), mas morreu depois de dar entrada na unidade.

Caso
Luciano foi preso na noite de terça-feira (3), após ser flagrado mostrando o pênis para uma adolescente de 12 anos, no bairro Jardim Comodoro, em Cuiabá.

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), o caso foi registrado por volta das 20h40, após a mãe da vítima entrar em contato com a polícia.

Em depoimento, a testemunha contou que viu a ação do homem e conseguiu filmá-lo.

O vídeo gravado foi entregue aos policiais do 9° Batalhão.

As características do criminoso, foram repassadas para a polícia. Rondas foram realizadas na região e o suspeito foi encontrado em um bar.

Ele foi detido e encaminhado para prestar depoimento na Central de Flagrantes.

A menina também confirmou à polícia que o homem foi algumas vezes na porta da escola onde ela estuda.