Mulher que sequestrou bebê em MG é presa na rodoviária de Cuiabá

Por D.D.ANDRE 21/07/2018 - 15:07 hs

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoas (DHPP), localizou uma recém-nascida de apenas 15 dias de vida, que foi sequestrada de sua mãe na cidade de Santa Rita do Sapucaí, em Minas Gerais. A bebê foi levada por Patrícia Severino da Silva, 28, que estava com mandado de prisão preventiva expedido pela justiça de Minas Gerais. A mulher foi presa na rodoviária de Cuiabá.

Na última quarta-feira (18), o setor de Inteligência da Polícia Civil de Minas Gerais entrou em contato com o Núcleo de Inteligência da DHPP, solicitando apoio na tentativa de localizar o bebê de apenas 10 dias de vida, que tinha sido subtraído de sua mãe. 

De acordo com a Polícia mineira, a mãe da bebê informou que a suspeita tinha levado a menina de dentro de sua residência. Ao identificarem a suspeita, os policiais de Minas Gerais constataram que Patrícia já havia sido presa no estado de Rondônia por outro fato semelhante, e que desta vez, fugiu para Cuiabá com a bebê.

Depois de constante troca de informações entre as duas instituições e mais de 48 horas de diligências interruptas, equipes da DHPP localizaram a criança, em segurança, e prenderam a mulher acusada de sequestrar a recém-nascida. Ela foi presa nas imediações da rodoviária de Cuiabá.

Em depoimento, Patrícia alegou que a mãe da menina da criança teria dado a filha por não ter condições de sustentá-la, e que ela e seu marido iriam cuidar da menina.

A criança foi entregue aos cuidados do Conselho Tutelar de Cuiabá. Os fatos foram comunicados ao Ministério Público e Juizado da Infância e Juventude da capital.  Patrícia será apresentada em audiência de custódia, neste sábado (21). As investigações seguem pela Polícia Civil de Minas Gerais, para o esclarecimento dos fatos. (Com assessoria da PJC