Vice-prefeito de Araputanga fica R$ 366 mil mais pobre em quatro anos

Por DA REDAÇÃO 08/10/2020 - 14:14 hs

Por Redação Popular Online

O atual vice-prefeito do município de Araputanga (a 345 km de Cuiabá) e candidato a prefeito nas eleições de 2020, Enilson de Araújo Rios — Enilson Rios (SD)declarou à Justiça Eleitoral que seus bens estão avaliados em R$ 244.680,00 (duzentos e quarenta e quatro mil, seiscentos e oitenta reais) ou seja R$ 366.784,00 (trezentos e sessenta e seis mil, setecentos e oitenta e quatro reais) a menos em relação à eleição de 2016, quando declarou possuir patrimônio no valor de R$ 611.464,00 (seiscentos e onze mil, quatrocentos e sessenta e quatro reais).


Enilson Rios concorre a eleição pela coligação: “Por uma Araputanga melhor”, composta pelo Solidariedade (SD), Partido Democrático Trabalhista (PDT) e o Partido Social Democrático (PSD). Na última eleição, em 2016, Enilson disputou a eleição ao lado do prefeito Joel Marins de Carvallho — Joel Marins (DEM), e defendia a coligação “Honestidade, seriedade e trabalho”. No pleito deste ano, o empresário e ex-secretário de saúde em Araputanga, Marcos Aurélio Barros — Markinhos da Saúde (PSD), é o seu candidato a vice-prefeito.


O vice-prefeito, Enilson Rios, que disputa a reeleição contra o gestor do município, Joel Marins, até o momento, não se manifestou, publicamente, diante de escândalos, investigações de suposto esquema de fraudes a licitações para desvio de verbas públicas e a suposta prática de “rachadinha” com secretários da gestão que integra. Enilson ocupou os cargos de secretário de Assistência Social e Saúde até o dia primeiro de março de 2018, quando afastou das funções.


Além do atual prefeito Joel Marins e o vice-prefeito Enilson Rios que concorrem à reeleição, também disputam a Prefeitura os candidatos Hemerson Carvalho Benvenuti (PSC) — vice-prefeito Sebastião Coreia de Oliveira (PSC), Ilídio da Silva Neto (PSB) — vice-prefeito Roberto Carlos Carvalho (PSB) e Sérgio Luiz Pires Salomé (MDB) — vice-prefeito Alberto de Oliveira Fernandes (MDB).