Dirigentes apresentam propostas para tirar o esporte da crise em Mirassol

Por DA REDAÇÃO 20/10/2020 - 22:00 hs

Da Redação

O esporte, de maneira geral, está mergulhado em uma profunda crise em Mirassol D'Oeste. Falta apoio e incentivo para todas as modalidades esportivas. E o problema se arrasta desde bem antes da pandemia, com a falta do apoio devido por parte do poder público municipal.

A inércia afeta especialmente o futebol, que é a modalidade mais popular no município. Em função do quadro desolador, dirigentes locais se reuniram no final do mês de Julho para avaliar a situação e definir rumos para o ano que vem.

Durante o encontro, os dirigentes lembraram que a falta de apoio concreto ao futebol em Mirassol vem desde 2012, período em que o departamento de esportes da Prefeitura era comandado pelo desportista Cenecir dos Santos. 

Os dirigentes reclamam que, além da falta de apoio para equipes e seus dirigentes, a cidade também não possui uma praça esportiva decente, com gramado bem cuidado e em condições de receber jogos importantes.
"Esperamos que os candidatos a prefeito coloquem a valorização do esporte como prioridade, para mudar esta triste realidade. Por enquanto, estamos vivendo do passado, quando nosso município era referência para outras localidades, no futebol e em outras modalidades", disse um dirigente.